criança-brincando-recreio

Como melhorar a hora do recreio para as crianças

A hora do recreio ainda é vista como uma perda de tempo para diversos gestores e profissionais da educação por acreditarem que nesse momento a criança não está aprendendo. Porém, ao contrário do que se possa pensar, as crianças estão captando uma série de informações – e a escola pode tornar esse tempo bastante rico e produtivo para elas.

O momento do recreio é o mais esperado por muitas crianças. É quando elas vão se reunir, brincar e criar jogos, conversar e conviver socialmente. Durante as brincadeiras e atividades da hora do recreio, os alunos são capazes de colocar em prática habilidades de conversação e interação com os colegas, negociação, cooperação, tomadas de decisão, entre outras. Além disso, é o momento destinado para se alimentarem e reporem suas energias para o próximo período.  Continue acompanhando este artigo e entenda como tornar a hora do recreio mais estimulante para seus alunos.

Disponibilize atividades diferentes

A principal maneira de aprimorar o momento do recreio para as crianças é disponibilizar atividades diferentes para atender os mais diversos gostos dos alunos e ter uma brincadeira específica para cada idade. Essa é uma forma de possibilitar que todas as crianças e jovens se sintam confortáveis e dispostas a fazer algo, além de incluir todos os alunos na hora do recreio.

Implementar o dia do brinquedo durante a semana, por exemplo, é algo praticado por muitas escolas. É uma maneira a qual a criança pode expressar os seus gostos ao levar o seu brinquedo preferido para mostrar para os colegas e a professora.

Ofereça um lanche saudável

Muitas crianças acabam levando comidas industrializadas em suas lancheiras, como bolachas recheadas e salgadinhos. Se possível, combine com a equipe responsável pela cozinha para que deixem à disposição dos alunos opções de lanches saudáveis durante o período do intervalo. Oferecer essa opção é uma maneira de os pais gostarem ainda mais de sua escola e de ajudar as crianças a aprenderem hábitos saudáveis na alimentação.

Dê a oportunidade das crianças opinarem sobre as brincadeiras

Além de oferecer diversas brincadeiras e atividades, uma iniciativa importante a ser praticada é a de permitir que as crianças deem a sua opinião sobre elas. Assim, elas podem dizer se estão gostando do que é disponibilizado, além de sugerir novos jogos e brincadeiras – talvez até mesmo inventadas por elas.

Promova o recreio dirigido

O recreio dirigido é uma forma de a equipe pedagógica estar sempre por perto das crianças e dos jovens. Eles podem participar das brincadeiras e incentivar os alunos a participarem das diversas atividades, além de promover a aproximação entre educadores e alunos.

Implemente um rodízio de professores e monitores para que todos os funcionários estejam presentes no momento do recreio, de forma que não fique cansativo para um determinado profissional.

Incentive o recreio como momento de leitura

Existem diversas crianças introvertidas em uma escola, e elas podem preferir passar o tempo do intervalo lendo ou fazendo atividades que não necessitem tanto esforço. Para incluí-las nesse momento de descontração, deixe a biblioteca aberta e disponível durante o recreio e incentive o prazer pela leitura.

Planeje o espaço do recreio para que fique confortável

Em um momento tão importante do dia das crianças e dos jovens como a hora do recreio, é preciso que haja conforto e segurança para que possam brincar com tranquilidade. Para isso, invista e planeje o espaço no qual irão participar das atividades. Uma maneira de fazer isso é equipar o pátio ou a quadra com objetos seguros e resistentes, como chão de borracha.

Como é a hora do recreio na sua escola? Quais brincadeiras são realizadas? Conte para nós nos comentários abaixo!

 

Conte sempre com o Sponte, seu Software de Gestão Educacional.

Deixe seu comentário!

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *