Skip to main content

3 formas de melhorar a gestão do ensino online

O ensino online já é uma realidade, quer a sua instituição de ensino aceite isso, quer ela queira continuar dentro das diretrizes antigas de ensino.

Nós da Sponte afirmamos isso, pois sabemos muito bem que os próprios alunos exigem uma metodologia online mais assertiva para implementar ou até mesmo complementar seus conhecimentos.

Se a gente já está se habituando a fazer tudo pela internet (pagar contas, fazer compras, comprar produtos e serviços e etc), por que é que o ensino online ficaria de forma?

O grande problema é que existe muitas dificuldades relacionadas a gestão do ensino online e são tantas, que por vezes, é melhor engessar o ensino do que abrir a possibilidade do novo.

Não queremos que a sua escola pare no tempo e trabalhe as mesmas estratégias das quais vocês já vem aplicando há anos, isso porque elas não darão mais certo.

Você precisa abrir a cabeça para o novo e transformar o ensino online uma realidade dentro da sua instituição.

A Sponte quer te ajudar, por isso separamos X formas de melhorar a gestão do ensino online e obter melhores resultados!

Fique com a gente para aprender tudo!

 

1º –  Custo das mensalidades

Entenda que ao criar cursos online, você estará reduzindo seus custos em pelo menos 50%. Isso porque, você não precisa fornecer material didático físico, não precisará utilizar seu espaço e por vezes, não precisará manter o professor em sua sede, afinal ele pode dar uma aula online remotamente ou então, gravar para que seja disponibilizado posteriormente, concorda?

Pois bem, o ensino á distancia ainda é uma barreira dentro do Brasil e é por um único motivo: a falta de informação.

A primeira coisa que você pode fazer para tornar seus ensino online mais atraente é baixando o custo da sua mensalidade. Por ser uma forma de ensino ainda desconhecida, é comum que os alunos optem pelo ensino tradicional ou ensino online. No entanto, quando eles perceberem a versatilidade e as possibilidades que esse tipo de ensino dá, com toda a certeza, irão preferir essa modalidade.

Então, o primeiro passo para melhorar sua gestão do ensino online é manter os preços das mensalidades chamativas, de uma forma que o valor seja tão interessante que ele possa se dar a possibilidade de pagar para conhecer melhor você.

Divulgação e preços baixos fazem com que essa modalidade comece a engatilhar.

 

2º – Forneça aulas dinâmicas

O grande problemas das aulas online é que elas precisam ser interessantes e bastante dinâmicas, pois se forem chatas, o aluno deixa rolar o vídeo e vai ver televisão, ou fazer outra coisa enquanto o tempo irá ficar lá girando e contando como presença, entende?

Você precisa ter bem claro que a aprovação nas provas e as boas notas que seu aluno irá conquistar irá depender, diretamente, da forma com que você irá transmitir o conteúdo para ele.

Sente com os professores que irão ministrar os cursos e elabore estratégias interessantes para que todos possam aprender de uma forma bem participativa.

Você pode até gravar uma série de aulas e já deixar lá para que o aluno assista. No entanto, se você conseguir combinar com os professores plantões de dúvidas e até mesmo, aulas em vídeo conferência em tempo real, você vai perceber que a participação de todas as classes irá te surpreender.

O bacana do ensino a distância é a versatilidade do local do estudo, por exemplo, o seu aluno poderá participar da aula de inglês dentro da sua casa ou em um viagem que ele estiver fazendo, afinal é só usar uma conexão para que as coisas funcionem como deveriam

Isso não tira a vontade desse aluno interagir com o professor, tirar suas dúvidas ou ainda, conhecer seus colegas de classe, entende? Em aulas ao vivo, tudo isso se torna realidade em uma fração de segundos.

Elas precisam acontecem todo o dia?

Claro que não, até porque perdesse aquela flexibilidade o ato de estudar onde e a hora que quiser. No entanto, se você tiver a disponibilidade de fazer algumas vezes no mês em horários pré determinados, tudo fica muito mais simples e fácil.

Faça alguns testes e veja como isso irá acontecer!

 

3º – Materiais de estudo bem dinâmico

Imagina você optar por fazer um curso de inglês online, por exemplo, e pegar para estudar o seu material didático virtual e se deparar com páginas e mais páginas em pdf. Concorda que é algo maçante?

Pois bem, você precisa pensar muito bem nisso para que seu aluno possa usufruir de todos os conteúdos da forma mais assertiva possível. Sendo assim, nada de leituras muitos longas.

Você terá que planejar seu material didático para que seja algo dinâmico, interativo e que aguce o seu sendo crítico.

É possível fazer isso através de sérias, quiz, séries, filmes e o que mais você puder imaginar que torne o aprendizado simples e até mesmo lúdico.

Sabe aquelas escolas infantis que tornam o ensino uma grande brincadeira? É mais ou menos isso que você precisará fazer para que tudo passe a funcionar de uma forma mais rápida.

Se o aluno não consegue desenvolver bem seus estudos, ele não conseguirá ir bem nas avaliações, concorda? Quando a maioria da turma não consegue obter nota satisfatória, talvez o problema não seja dos alunos e sim da sua instituição que não está conseguindo transmitir a mensagem de uma maneira certeira.

Perceba que com aplicações simples, sua instituição de ensino será capaz de tonar o ensino online muito mais dinâmico e eficiente.

Se precisar de ajuda para gerenciar todos esses processos, conte conosco da Sponte!

Nós temos as soluções que tanto precisa!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *